Património Cultural

IGREJA DE SANTA MARIA MAIOR DE MEINEDO

 

A Igreja de Santa Maria de Meinedo, apesar de ser desconhecida a data da sua fundação, deverá ter sido erigida entre o final do século XIII e o início do século XIV, embora o templo perpetue esquemas decorativos e soluções construtivas que seguem os modelos românicos.


Apesar desta datação tardia, o prestígio da Igreja é muito grande, uma vez que Meinedo foi sede de um Bispado no século VI. Meinedo é identificado com o topónimo “Magnetum”, no Paroquial Suévico, por A. de Almeida Fernandes, citado por Marcelo Mendes Pinto, aqui radicando uma Paroécia em 572, cuja sede se terá transferido, posteriormente, para Portucale, já que o seu bispo compareceu ao terceiro Concílio de Toledo, em 589, e nesta data já não aparecer nenhuma referência a “Magnetum”.


Desta época até ao século XIII, quando é sagrada a Igreja, como a conhecemos atualmente, pouco se sabe do desenvolvimento deste sítio, embora as escavações arqueológicas, realizadas em 1991, tenham revelado uma estrutura absidal circular pertencente a um primitivo templo pré-românico.


PONTE DE ESPINDO


A Ponte de Espindo, que assegura a ligação sobre o rio Sousa entre os lugares de Bustelo e Boim, não deverá ser anterior a meados do século XVIII uma vez que, ao contrário da Ponte de Vilela, não é mencionada nas Memórias Paroquiais de 1758.


CASA DE RONFE


Esta moradia ou solar é uma das muitas casas apalaçadas e brasonadas do concelho de Lousada que diretamente ou indiretamente se encontram associadas à cidade do Porto.


Muitas delas estão ligadas, entre si, derivadas de famílias distintas relacionadas a negócios, ações politicas ou religiosas e de aristocracia regional ou local, sendo o caso da família dos Borges Barreto, desde pelo menos o século de quinhentos, onde derivam os Martim Borges, escrivão do público e casado com uma senhora dos Vieiras, de Riba Douro e progenitor de todos os Borges Barretos.

CRUZEIRO


O aparecimento do Cruzeiro remonta aos primeiros séculos do cristianismo. Procurou-se cristianizar todos os sítios e monumentos pagãos. A cruz era o símbolo usado para levar a cabo o processo de cristianização. Com o imperador Constantino a cruz tornou-se no elemento simbólico dos cristãos.

Política de Cookies
COMO UTILIZAMOS AS COOKIES

As cookies são utilizadas para melhorar o nosso serviço. Algumas das cookies são essenciais para garantir as funcionalidades disponibilizadas, enquanto outras são destinadas a melhorar o desempenho e a experiência do utilizador.

As cookies essenciais destinam-se a:
- lembrar o que adiciona ao carrinho
- lembrar o seu progresso na encomenda

As cookies funcionais destinam-se a:
- lembrar os dados da sua conta
- garantir que a sua ligação é segura
- garantir que o sítio web é mostrado de forma consistente
- oferecer suporte através de chat

As cookies de desempenho destinam-se a:
- melhorar o desempenho do sítio web reduzindo o número de loads das páginas que visita
- melhorar a experiência do utilizador

As cookies de segmentação destinam-se a:
- permitir que partilhe e goste nas redes sociais
- enviar informação a outros sítios web para personalizar a publicidade mostrada.


EXEMPLOS DE UTILIZAÇÃO DAS COOKIES

As cookies são utilizadas para melhorar o serviço que lhe é prestado, como por exemplo:
- possibilitar a utilização de alguns serviços como o pagamento, que não seria possível sem as cookies
- permitir que um serviço reconheça o seu dispositivo para que não tenha de fornecer constantemente os mesmos dados
- reconhecer que já forneceu um nome de utilizador e palavra-passe quando ligado à área de cliente para que não tenha de o fazer sempre que consulta uma página
- contabillizar quantas pessoas estão a utilizar um serviço, permitindo assim garantir que a utilização é rápida
- analisar dados que nos permita saber como utiliza os serviços para que os possamos melhorar

Se não permitir que o sítio web utilize cookies, algumas páginas e funcionalidades não vão funcionar como esperado. Como exemplo, não poderá utilizar a lista de compras.
Se deseja apagar as cookies que já se encontram no seu computador, consulte a secção de "Ajuda" do seu navegador de internet.
Poderá ainda saber mais informações sobre cookies e como as gerir no sítio http://www.aboutcookies.org (Inglês) ou consulte a secção "Ajuda" do seu navegador de internet.